Três bebidas quentes para o seu inverno

| Bebidas quentes | Dicas | Drinks
O inverno chegou – e isso não se trata apenas de um bordão de série de televisão. Embora vivamos em um país tropical, dias frios fazem parte da rotina de todo brasileiro nessa época do ano. Portanto, que tal ter na manga receitas de bebidas quentes para a ocasião?

A Caipirinha é o drink por excelência do Brasil, mas convenhamos: a “refrescância” cítrica do coquetel à base de cachaça não é exatamente aquilo que a gente busca em um dia gelado. Por isso, para além do global chocolate quente, faz sentido buscarmos referências em terras onde o frio realmente chega a caráter, com direito a neve e temperaturas abaixo de zero.
 

Natal junino com bebidas quentes

O inverno no hemisfério norte, como você já sabe, está concentrado no final e no início de cada ano, de forma que datas importantes, como o Natal, estão comtempladas no período. Um clássico natalino, principalmente nos Estados Unidos, tem tudo a ver com as noites de frio, e pode ser uma ótima pedida para nossos dias frios: o eggnog.

Quente não apenas pela temperatura em que é servida (embora haja versões geladas da receita), sendo considerada uma das bebidas quentes favoritas ao redor do mundo, o eggnog é conhecido também como ‘ponche de leite’, o que entrega um de seus principais ingredientes. A base alcoólica fica, tradicionalmente, a cargo do rum ou do whiskey bourbon, e, em geral, de forma que a receita é apresentada em uma poncheira.
 

Eggnog (graduação alcoólica: 19g)

60 ml de whiskey Bulleit Bourbon
15 ml de xarope de açúcar
1 ovo fresco (clara e gema)
20 ml de creme de leite fresco
60 ml de leite

Em uma coqueteleira, bata vigorosamente todos os ingredientes; passe para uma panela e aqueça sem deixar ferver ou leve ao micro-ondas já servido em uma taça ou xícara térmica. Finalize com uma pitada de noz-moscada ralada e canela em pó no topo.
 

Mantenha a simplicidade

Algumas bebidas não são consideradas bebidas quentes por acaso. Whisky, cachaça, rum, conhaque são apenas algumas opções que podem –– ser degustadas puras, sem a adição de outros ingredientes. Embora não haja data certa para beber esses destilados que passam pela maturação em barril, o inverno os torna ainda mais especial.

Um leve twist, porém, pode ser muito bem-vindo para tornar a sua bebida preferida um coquetel de fato feito para ser apreciado em dias frios.
 

Double Black Chocolate (graduação alcoólica: 15,8 g)

50 ml de whisky Johnnie Walker Double Black Label
3 lances de Angostura Orange Bitters

Gelo com chocolate*

*Em uma forma de silicone, adicione água e pequenas lascas de chocolate; balance sutilmente a forma para que o chocolate se espalhem e aguarde até congelar

Em um copo old fashioned, adicione o gelo e sirva o whisky e os lances de angostura.
 

Clássicos gelados

Para dias frios, misturas estritamente alcoólicas também funcionam muito bem. Se no verão as frutas e os mixers dão o tom e sabor de drinks refrescantes, receitas cuja composição é focada apenas em destilados e fermentados vão muito bem no inverno. Para uma temporada onde o sol já não esquenta muito, um clássico atemporal cai como uma luva.
 

Negroni (graduação alcoólica: 21 g)

30 ml de gin Tanqueray
30 ml de vermute tinto
30 ml de bitter italiano

Em um mixing glass com gelo, misture todos os ingredientes; coe para um copo old fashioned com gelo e finalize com um twist de casca de laranja.

Beba com moderação. Não compartilhe este conteúdo com menores de 18 anos.