Como beber whisky Johnnie Walker Black Label? Existe um jeito certo?

| Bebida | Black Label | como beber whisky
Whisky se bebe puro. Muito provavelmente você já ouviu essa afirmação. Mas acredite: por mais que ela seja muito repetida, não é regra. Não existe forma correta de se beber whisky, como o Johnnie Walker Black Label. Será o paladar de cada pessoa que vai indicar a melhor forma ou até mesmo o momento.

Diferentes formas de apreciar o whisky

O Black Label foi criado para representar o melhor dos quatro cantos da Escócia. Seu sabor profundo é inconfundível mesmo quando misturado com outros ingredientes, e é por isso que é ideal para momentos intimistas e também encontros com amigos. Confira como apreciá-lo.

1. Degustação de whisky

Se a ideia é degustar esse blended whisky, então, de fato, o correto é fazê-lo puro ou apenas com gotas de água. Na degustação, o foco é apreciar, analisar e tentar entender a bebida, os aromas e as notas de sabor.  Sirva-se de uma dose e aguarde. Sinta o aroma. Prove e fique com a bebida um tempo na boca antes de engolir. Tente encontrar a presença de baunilha, os toques de laranja, passas, condimentos… Será possível também notar um gosto intenso de malte, turfa e madeira, com um leve toque picante.

2. Drinks clássicos

Agora, se a bebida faz parte da experiência e não é o “personagem principal”, como na degustação, vale apostar em drinks clássicos.  O tradicional whisky com gelo é chamado também de “on the rocks”. Muito simples, basta uma dose de Johnnie Walker Black Label e pedras de gelo. Conhecido como um clássico coquetel de whisky escocês, o Rob Roy é perfeito para se usar Black Label. O coquetel combina vermute, angostura bitters e whisky escocês e é finalizado com um twist de laranja ou uma cereja maraschino. Agora, o Black Sour é perfeito para os amantes de coquetéis. O Whisky Sour original é feito com Bourbon, mas dá para fazer a versão escocesa do drink. Leva uma pitada de Angostura, 25 ml de suco de limão, 20 ml de xarope de açúcar e uma clara de ovo, além da dose de Black Label.

3. Drinks variados 

Não é preciso, porém, se prender ao que é clássico. O que você busca? Um drink refrescante? Uma bebida quente? O frescor das frutas? Pense no momento e na experiência que quer vivenciar para escolher seu drink ideal. O Johnnie Hot Toddy mistura a complexidade do Black Label com limão, mel, canela, gengibre, noz-moscada e cravos para formar um drink que é servido quente. Já Black Julep leva a refrescância da hortelã combinada com xarope de açúcar e gelo, além, é claro, do whisky escocês. Dá também para entrar no embalo do sucesso dos drinks com bebidas gaseificadas. Com 50 ml de Johnnie Walker Black Label, uma rodela de limão, gelo e club soda ou água gaseificada para completar o copo, conseguimos o Black & Soda.

Sobre a Diageo

A DIAGEO é líder mundial na produção de bebidas alcoólicas premium, com uma coleção de marcas nas categorias de bebidas destiladas, vinhos e cervejas. Essas marcas incluem SMIRNOFF, JOHNNIE WALKER, GUINNESS, BAILEYS, OLD PARR, CÎROC, TANQUERAY, entre outras, e as nacionais YPIÓCA e NÊGA FULÔ. A DIAGEO é uma empresa multinacional que opera em 180 países. As ações da companhia são negociadas na Bolsa de Valores de Nova Iorque (DEO) e na Bolsa de Valores de Londres (DGE). Para mais informações sobre a DIAGEO, seus funcionários, suas marcas e seu desempenho, visite www.DIAGEO.com.br. Celebre com responsabilidade e saiba mais sobre consumo responsável de bebidas alcoólicas em www.DrinkiQ.com.br.
  • Aprecie com moderação.
  • Se beber não dirija.
  • Não compartilhe este conteúdo com menores de 18 anos.